Ouro Preto nasce da aventura do desbravamento e ocupação do interior do território brasileiro no período colonial, nos anos finais do século XVII, por exploradores paulistas à procura de ouro e pedras preciosas. O Rio das Velhas, que recolhe o ouro liberado pelo aluvião da Serra do Espinhaço, guia a bandeira de Antônio Dias de Oliveira nas proximidades de suas nascentes, na Cachoeira das Andorinhas, e logo o ouro encontrado, a princípio nas bateias e mundéus, atrai e dissemina o garimpo pelas encostas do Vale do Tripuí. O bandeirante paulista Antônio Dias tinha notícias da região e do Itacolomi e aqui chegou no dia 24 de junho de 1698. Velozmente surgem as primeiras fixações humanas, que terão crescimento a ponto de poucos anos depois, em 1711, já com o nome de Vila Rica, a Coroa Portuguesa, em esforço para maior controle do território, promover a sua elevação a vila, em ato do dia 8 de julho do mesmo ano.

Acesse aqui o dossiê sobre Ouro Preto (informações sobre hotéis, transporte, cultura e alimentação).